PERSEGUIÇÃO POLICIAL: MENORES, DE BANDIDOS A VÍTIMAS. POLICIAL: DE HERÓI A VILÃO

24 06 2015
image

Perseguição foi transmitida ao vivo.

Ontem aproveitei o pouco tempo que tinha antes de gravar e acompanhei quase que simultaneamente os programas “Cidade Alerta” e “Brasil Urgente”, justamente durante uma frenética perseguição Policial.

A cena que lembrava facilmente um daqueles filmes de ação hollywoodianos, mostrava um valente Policial arriscando sua vida e a subsistência de sua família perseguindo dois “bandidos”, que devido a frouxidão de nossas leis, eram menores, sozinho, ele foi para o embate com os marginais.

A moto, pouco antes, foi roubada pelos canalhas, de um Motoboy que estava trabalhando, os bandidos colocaram a arma na cara do rapaz e com muita violência levaram a ferramenta de trabalho de uma pessoa honesta.

A partir daí, a Polícia foi atrás e apenas um conseguiu êxito em perseguir os meliantes. Os bandidos demonstraram perícia em conduzirem o veículo de forma entrosada em uma perseguição, num dado momento o garupa jogou um capacete no Policial, se tivesse acertado, os bandidos teriam sucesso e o Policial possivelmente poderia ter tido um fim trágico, imagine você leitor, uma queda em uma velocidade daquela? Poderia ter sido fatal…

Aparentemente, e digo aparente pois as câmeras dos helicópteros da Record e Band não tiveram definição e nem um enquadramento que facilitasse o entendimento dos acontecimentos transmitidos ao vivo, o Policial atirou em defesa própria, o marginal aparentemente tenta pegar a arma na cintura do comparsa que pilotava, desequilibram e vão ao chão.

O que ocorre a partir daí é difícil de entender, mas o fato é que o Policial, sozinho, contra dois marginais, atirou umas quatro vezes. Essa cena foi a única que conseguimos entender com clareza, não sabendo se existiu reação dos bandidos ou se os tiros foram gratuítos, lembrando: mesmo daquela distância, não foram tiros fatais, mas tiros que acertaram nádegas e pernas dos malacos.

A partir daí outras teorias foram surgindo, lamentávelmente, todas as teorias focaram em demonizar o Policial e vitimar os menores que, devo frisar, pouco antes barbarizaram um trabalhador.

Provavelmente o Policial deve ser preso e os menores, com fichas policiais conhecidas, soltos e aptos para tocarem o terror e matar pessoas de bem, com a complacência dos direitos humanos, que na verdade não passa de direitos dos “manos”. O Brasil precisa entender que bandido é bandido e polícia é polícia.

#ÉpauNaLomba

Anúncios

Ações

Informação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: